O objetivo geral deste capítulo é analisar a obra A hora da estrela, a fim de esquadrinhar as marcas da ideologia feminina que podem estar presentes no discurso do narrador e de Macabéa; além de buscar relações entre escritora e escritura; contextualizar a novela, com o propósito de distinguir elementos sociais, históricos, políticos e econômicos que podem ter influenciado na urdidura da obra para estabelecer a relação literatura e sociedade; discutir o feminino para eluciadar sua carga semântica e analisar o corpus da obra através do estudo verticalizado do discurso do narrador e de Macaéa. Como suporte teórico, foi realizada pesquisa bibliográfica em livros, revistas e internet com a finalidade de embasar o estudo sobre contexto de época, conceito de feminino, autor criador e, em especial, as marcas ideológicas femininas do discurso do narrado e de Macabéa em A hora da estrela (1998), de Clarice Lispector.

Dayse Rodrigues dos Santos

Para ler o texto completo, faça o download do livro aqui.