O PIBID E A CONSTRUÇÃO DA PROFISSIONALIDADE DO PROFESSOR DE INGLÊS EM INÍCIO DE CARREIRA

O PIBID E A CONSTRUÇÃO DA PROFISSIONALIDADE DO PROFESSOR DE INGLÊS EM INÍCIO DE CARREIRA

Na pesquisa intitulada “O Pibid e a construção da profissionalidade do professor de Inglês em início de carreira”, tenho o objetivo de compreender como o professor de Inglês em início de carreira no oeste do Pará constrói a sua profissionalidade docente. De modo específico, busco (i) descrever o início de carreira do professor de inglês, tendo em consideração a sua participação no Pibid-Inglês da Ufopa; (ii) identificar os desafios do professor de inglês em início de carreira; (iii) verificar qual a influência do Pibid na construção da profissionalidade do professsor de inglês em início de carreira; e (iv) verificar qual o eventual impacto do Pibid na construção da profissionalidade do professor de inglês em início de carreira frente aos desafios do contexto educacional contemporâneo na Amazônia. Ao revisar a literatura sobre a formação de professores e o Pibid, constatei que, embora haja muitos estudos sobre este Programa, pesquisas envolvendo os egressos do curso de Letras-Inglês, iniciando a vida profissional, ainda são escassas, o que, também, nos motiva a realizar este estudo. A motivação principal não é, no entanto, o preenchimento desta lacuna, mas o de, ao pensar a formação inicial de professores a partir do início de sua trajetória profissional (Nóvoa, 1992), contribuir para a formação de professores de Inglês na Amazônia. Ao constituir material de base científica que auxilie nas reflexões sobre a formação de professores de inglês na região, vislumbro contribuir para a construção de um currículo que forme profissionais do ensino de língua inglesa aptos a atuar no contexto amazônico, frente aos desafios educacionais contemporâneos da região; currículo pensado não apenas a partir de pressupostos teóricos universais, mas, também, a partir de dados obtidos em estudo realizado com profissionais egressos da Universidade Federal do oeste do Pará. Pesquisadora: Maria da Conceição Queiroz Vale

FORMAÇÃO CONTÍNUA EM COLABORAÇÃO UNIVERSIDADE-ESCOLA: PERSPECTIVAS DE INVESTIGAÇÃO NO CONTEXTO AMAZÔNICO

FORMAÇÃO CONTÍNUA EM COLABORAÇÃO UNIVERSIDADE-ESCOLA: PERSPECTIVAS DE INVESTIGAÇÃO NO CONTEXTO AMAZÔNICO

PROJETO COM FINANCIAMENTO EXTERNO (duração de 3 anos) e CADASTRADO JUNTO À PROPPIT/UFOPA: código PVCE553-2021. Relatório anual deverá ser entregue à PROPPIT. O objetivo deste projeto é investigar práticas de formação contínua em colaboração universidade-escola, num modelo híbrido, de acordo com seguintes eixos: formação científica e tecnológica, colaboração universidade-escola e desenvolvimento profissional docente. A formação científica e tecnológica refere-se à alfabetização e letramento científico em tecnologias digitais por meio de projetos de investigação, eventos científicos e Clubes de Ciências escolares e ciclos de formação contínua em colaboração. Nos eixos colaboração universidade-escola e desenvolvimento profissional docente serão realizadas análises de aspectos da aprendizagem da docência nos cenários emergentes. O referido projeto foi aprovado para financiamento na Chamada CNPq/MCTI/FNDCT Nº 18/2021 - Universal - Faixa A - Grupos Emergentes. O número do processo do projeto é: 422902/2021-7. Integrantes: Solange Helena Ximenes Rocha (Coordenadora), Claudia Silva de Castro, Kátia Lais Schwade de Jesus Oliveira, Raimundo Augusto Rego Rodrigues Júnior, Iata Anderson Ferreira de Araújo, Maria Aldeli Silva Machado, Maria de Nazaré Repolho dos Santos, Maria do Socorro Cavalcante de Abreu, Maria Solielci Abreu dos Santos, Erivelton Beniti, Maria Assunção Sousa de Moura, Elina Renilde de Oliveira Ribeiro, Renata Repolho dos Santos, João Amaro Ferreira Neto, José de Ribamar Almeida e Silva, Bárbara Cândida Mêndes da Silva Oliveira, Jonas da Paz Aguiar, Gilma da Silva Pereira Rocha, Alessandra Neves Silva, Gisele Vidal Ferreira, Ana Cristina Pimentel Carneiro de Almeida, Clênya Ruth Alves Vasconcelos, Marciana Lima Góes, Elisangela Barreto Santana e Poliana Fernandes Sena e Sousa.

DESESTRANGEIRIZAR A LÍNGUA INGLESA: UM ESTUDO SOBRE DECOLONIALIDADES LINGUISTICAS NA AMAZONIA

DESESTRANGEIRIZAR A LÍNGUA INGLESA: UM ESTUDO SOBRE DECOLONIALIDADES LINGUISTICAS NA AMAZONIA

Considerando que o ensino de línguas adicionais no Brasil, principalmente a língua inglesa, ainda se baseia em concepções formalistas de língua que a entendem como um objeto monolítico, homogêneo e invariável, separado do uso que seus falantes fazem dela nos mais variados contextos sociocomunicativos (OLIVEIRA, 2014, WILSON, 2017), neste projeto de pesquisa objetivamos transpassar o ambiente acadêmico onde as reflexões sobre um ensino de línguas decolonial já é uma realidade e levar essas discussões para o ambiente escolar. Para tanto, [...] pretendemos trazer a baila reflexões sobre o quanto a questão da colonialidade ainda está presente no ensino da língua inglesa em nosso contexto santareno e como a ideia de modelo de falante nativo a ser imitado ainda está muito presente no ensino da língua e nos materiais didáticos que não consideram a diversidade e a multiplicidade de epistemologias, culturas e povos falantes da língua inglesa ao redor do mundo (PARDO, 2019, p. 212). Ademais, por concordar com Sanches (2022) para quem o agir decolonial envolve a compreensão de que os saberes se constituem através das práticas, como parte essencial do projeto, propomos também que sejam conduzidas atividades pedagógicas em salas de aula de escolas públicas de Santarém [...]. Coordenadora: Silvia Cristina Barros de Souza Hall

A REPRESENTAÇÃO DO FASCISMO NA DRAMATURGIA DE LILLIAN HELLMAN

A REPRESENTAÇÃO DO FASCISMO NA DRAMATURGIA DE LILLIAN HELLMAN

Este projeto de pesquisa tem o propósito de analisar a obra de Lillian Hellman, mais especificamente suas peças Watch on the Rhine (1941) e The Searching Wind (1944), que abordam o tema do fascismo, como ponto de partida para compreensão de sua dramaturgia na relação com o contexto histórico dos Estados Unidos. Coordenadora: Paola Piovezan Ferro

INFANTE: DADOS DE AQUISIÇÃO DA LINGUAGEM (FASE I)

INFANTE: DADOS DE AQUISIÇÃO DA LINGUAGEM (FASE I)

Este projeto foi submetido ao edital EDITAL n. 04/2022/PROPPG, do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará. Seu objetivo é obter e divulgar dados de fala de crianças em fase de aquisição da linguagem. Para tal, serão coletados dados espontâneos de crianças em fase de aquisição da linguagem, os quais serão posteriormente transcritos e utilizados para constituição de um banco de dados de fala de crianças em fase de aquisição da linguagem. A proposta envolve estudantes do curso Técnico Integrado em Informática do IFPA campus Santarém e contribui, portanto, para a articulação entre o ensino e a pesquisa na instituição. Pesquisadoras: Gisely Gonçalves Castro (Coordenadora) e Dayse Rodrigues dos Santos

PERSPECTIVAS E DESAFIOS DO PROCESSO EDUCACIONAL BRASILEIRO EM COMUNIDADES INDÍGENAS

PERSPECTIVAS E DESAFIOS DO PROCESSO EDUCACIONAL BRASILEIRO EM COMUNIDADES INDÍGENAS

O projeto "Perspectivas e Desafios do Processo Educacional Brasileiro em Comunidades Indígenas - Estudo de Caso Zo'é" proposto para um período de dois anos, tem como objetivo principal o levantamento de dados sobre o estado atual da educação na comunidade dos Zo'é e sobre a necessidade e viabilidade ou não de implementação da Educação Escolar Indígena nessa localidade, do ponto de vista da gestão democrática e do direito à educação, levando-se em conta a diversidade sociocultural e linguística, os saberes tradicionais envolvidos e, principalmente, a manifestação da vontade indígena sobre o tema proposto. E como metodologia propõe-se a pesquisa de campo, focalizada principalmente na observação participante e entrevista prioritariamente informal, tendo como sujeitos da pesquisa 02 representantes de cada aldeia, ou seja, 11 adultos e 11 jovens. Os materiais e métodos usados na pesquisa serão basicamente o uso de anotações e gravações em áudio para posterior transcrição e tradução, visto que a maioria dos membros dessa etnia, são ainda monolíngues. Os resultados esperados são o levantamento de dados suficientes e qualificados para avaliar a necessidade e a viabilidade de implementação ou de solidificação da Educação Escolar nessa comunidade indígena. E, caso positivo, espera-se que mediante a oferta de uma educação diferenciada, intercultural e bilíngue, conforme propõe a legislação educacional brasileira e os acordos internacionais, possa ser desenvolvido nessa etnia indígena o exercício da plena cidadania e o devido preparo para uma convivência intercultural, pacífica e harmônica com a sociedade envolvente e com as demais etnias indígenas e nos demais relacionamentos interétnicos já existentes e nos que se desenvolverem futuramente. Pesquisadores: Heliud Luis Maia Moura (Coordenador), Washington Luís dos Santos Abreu, Onesimo Martins de Castro e Nilton Varela Hitotuzi

PROTAGONISTAS DE NARRATIVAS JUVENIS CONTEMPORÂNEAS: DE MÃOS DADAS COM O JOVEM LEITOR

PROTAGONISTAS DE NARRATIVAS JUVENIS CONTEMPORÂNEAS: DE MÃOS DADAS COM O JOVEM LEITOR

O presente estudo visa analisar a representação literária da identidade dos protagonistas em duas obras de Heloisa Prieto, Lenora (2008) e Ian: a música das esferas (2015), sendo este último, continuação do primeiro, constituintes do corpus dessa pesquisa, a fim de compreender a relevância do gênero para formação do leitor. Cabe ressaltar que tanto a produção quanto a crítica especializada da literatura para a juventude têm se expandido consideravelmente no Brasil nas últimas décadas. O público leitor, que volta seus olhos não só para o texto, mas também para o projeto gráfico como um todo é igualmente importante no contexto da Literatura Juvenil. Pesquisadora: Dayse Rodrigues dos Santos

MATERIAL DIDÁTICO

MATERIAL DIDÁTICO

Produção de materiais para o ensino de inglês como língua adicional para alunos da educação básica pública na Amazônia brasileira

Saiba Mais
TRANSLINGUAGEM

TRANSLINGUAGEM

Translinguagem como recurso pedagógico na sala de aula de lingua inglesa

Saiba Mais
CRENÇAS DE PROFESSORES

CRENÇAS DE PROFESSORES

Crenças de professores em formação e em serviço sobre o ensino de inglês como língua estrangeira.

Saiba Mais
PORTUGUÊS AMAZÔNICO

PORTUGUÊS AMAZÔNICO

História do português amazônico: um estudo da mudança linguística em contextos e práticas socioculturais de comunidades das regiões do médio e baixo amazonas

Saiba Mais
ESTUDOS CULTURAIS

ESTUDOS CULTURAIS

Estudos Culturais, Literatura e Cinema em língua inglesa: relações entre as formas narrativas e a matéria histórica.

Saiba Mais
LESSON STUDY

LESSON STUDY

Lesson Study no estágio supervisionado em língua inglesa: um estudo piloto na Universidade Federal do Oeste do Pará

Saiba Mais
TRADUÇÃO

TRADUÇÃO

Tradução sob a ótica da Linguística Sistêmico-Funcional

Saiba Mais
LITERATURA E ENSINO

LITERATURA E ENSINO

O uso da literatura no ensino de Inglês como língua adicional

Saiba Mais
LÍNGUA INDÍGENA

LÍNGUA INDÍGENA

Documentação, conservação e educação indígena: revisitando o sistema fonológico da língua Zo’é visando à produção de um sistema ortográfico unificado

Saiba Mais
LEITURA E FORMAÇÃO DE PROFESSORES

LEITURA E FORMAÇÃO DE PROFESSORES

A leitura como espaço para formação de professores da Educação Básica: Há um outro caminho?

Saiba Mais
LEITURA E ESCRITA

LEITURA E ESCRITA

Atividades de leitura e escrita na Educação Básica: contextos, reflexões e propostas

Saiba Mais
SELEÇÃO DE MATERIAL DIDÁTICO

SELEÇÃO DE MATERIAL DIDÁTICO

Seleção de material didático para alunos surdos como apoio às aulas de línguas no IFPA Campus Itaituba

Saiba Mais