Era proposta do Plano Político Pedagógico (PPP) da Escola Municipal de Ensino Fundamental Siegfried Heuser, em Salto do Jacuí-RS, em 2013 que se fizesse atividade relacionada ao tema transversal Meio Ambiente. Diante do exposto, elaboramos o Projeto Audiência Simulada, realizado na turma 8º ano 1, no intuito de contribuir para que o processo de aprendizagem de diferentes disciplinas e Meio Ambiente fosse integrado e, para isso, partimos do princípio da Interdisciplinaridade, de Ivani Fazenda (2008), na intenção de avançar na preparação o aluno para os desafios de compreender os conceitos das diferentes áreas através de situação análoga à do cotidiano. Através da metodologia da Pedagogia de Projetos, entendida sob perspectiva de Prado (2003), que preza pela visão interdisciplinar do conhecimento, a aprendizagem por meio da experiência e o alargamento da autonomia dos alunos. Centrado nos pressupostos em Pedagogia do Oprimido (1987) e Pedagogia da Autonomia (1996), de Paulo Freire, nosso relato objetiva provocar reflexões sobre a prática pedagógica. Junto aos alunos, criamos uma situação bastante semelhante à realidade citadina da época, em que uma associação de trabalhadores da reciclagem de resíduos sólidos acionara a Justiça porque a Prefeitura Municipal fechara o posto de trabalho, deixando uma grande leva de desempregados. Resgatamos essa experiência de um tempo longínquo para ressignificar a reflexão sobre o fazer pedagógico nos Anos Finais do Ensino Fundamental em escola pública e valorizar essa ação que fora deveras profícua tanto para nós, professores, quanto para alunos e comunidade participantes.

Dayse Rodrigues dos Santos